O que faz o Nutricionista Esportivo?




O nutricionista é o profissional que se dedica à promoção, recuperação e manutenção da saúde por meio da alimentação. Entre as principais atividades do profissional formado em Nutrição, podemos destacar:

  • Elaborar diagnóstico nutricional dos pacientes.
  • Prescrever dietas e suplementos nutricionais para pessoas sadias ou com problemas de saúde.
  • Fazer controle de qualidade dos alimentos em restaurantes e refeitórios.
  • Desenvolver e avaliar produtos que possam ser utilizados na alimentação humana.

Ele pode optar por trabalhar em áreas como: nutrição clínica, nutrição esportiva, marketing nutricional, pesquisa e indústria alimentícia; atuando em hospitais, clínicas, indústrias de alimentos, academias, laboratórios de análise alimentar, entre outros.

Cursos online de Nutrição

Uma das áreas mais procuradas é a Nutrição Esportiva.

O especialista em nutrição esportiva deve avaliar, além do estilo de vida e hábitos alimentares do paciente, a preparação física e psicológica. A sua atuação, antes mais restrita ao meio do esporte de alto rendimento, hoje se estende ao universo das academias, expandindo seu campo de atuação.

O nutricionista pode trabalhar em clubes, academias, consultório e personal diet, fazendo atendimento personalizado e domiciliar. Quando se tratam de atletas profissionais, como jogadores e competidores, é provável que ele faça parte de uma equipe multidisciplinar.

As consultas devem avaliar o histórico do paciente. Assim como seus hábitos, a fim de criar um plano alimentar específico para a busca do equilíbrio do organismo e melhora da performance.

Ao prescrever um plano alimentar o profissional deve observar os micro e macronutrientes necessários ao bom desempenho de determinada atividade. Deve levar em consideração também os níveis de hidratação. Para isso, é preciso conhecer a fundo a rotina de preparação física, pois a dieta deve considerar os horários e durações dos treinos, garantindo o aporte de energia e de proteínas para a recuperação muscular.

Além disso, cabe a ele determinar a necessidade e, se for o caso, indicar suplementação. Além de uma dieta regular, o plano deve prever modificações alimentares de acordo com os objetivos para cada evento, como competições e períodos de recuperação.

Post Anterior
Próximo Post »
0 Comentar