11 de agosto de 2014

15:01

6 cursos online de Nutrição


Fazer cursos online é cada vez mais comum para o profissional que quer se atualizar e não tem tempo para certos cursos.

A grande vantagem do curso online é você fazer o seu horário, tendo a aula no seu horário escolhido.

Veja algumas dicas para Nutrição

Curso Personal Diet

O curso Personal Diet por meio da Educação a Distância oferece ao participante o conhecimento sobre atividades e atribuições de um Personal Diet, vantagens do atendimento domiciliar, recursos de marketing e captação de clientes e muito mais.

Curso Dietas da Moda

É destinado a todas as pessoas interessadas em saber quais são os tipos de dietas da moda e se realmente são eficientes. O curso abordará os seguintes tópicos: nutrientes, carboidratos, proteínas, gorduras, fibras, como avaliar o seu peso e tipos de dietas.
Curso Avaliação Nutricional

A avaliação do estado nutricional possui grande importância na prática clínica, para diagnóstico de alterações nutricionais, utilizando parâmetros complementares para obter melhor precisão do diagnóstico nutricional.

Curso Online de Nutrição Aplicada às Doenças Cardiovasculares

Curso Nutrição Aplicada às Doenças Cardiovasculares

O curso Nutrição Aplicada às Doenças Cardiovasculares, por meio da Educação a Distância, oferece ao profissional conhecimentos sobre hipertensão, dietoterapia nas doenças cardiovasculares, síndrome metabólica e muito mais.

Curso Online de Atendimento em Nutrição

Curso Atendimento em Nutrição

O curso Atendimento em Nutrição por meio da Educação a Distância oferece ao profissional o conhecimento sobre áreas de atuação profissional, atendimento em consultório, ética profissional e muito mais.

O curso Suplementação Nutricional para Atletas por meio da Educação a Distância oferece ao participante o conhecimento sobre macronutrientes, índice glicêmico dos alimentos, necessidades e gasto energético, suplementos e muito mais.


5 de agosto de 2014

21:01

Proteína no exercício: o equilibro é fundamental

euatleta info alimentos ricos em proteínas (Foto: Editoria de Arte / GLOBOESPORTE.COM)

As proteínas são constituintes básicas do organismo e estão presentes em todas as células e tecidos. São enzimas, hormônios, agentes protetores, têm ação anti-infecciosa e ainda são responsáveis pela regulação das reações químicas do organismo, pelo crescimento e pela reparação de tecidos.

Especificamente para os praticantes de atividade física, a ingestão de valor baixo de proteínas impede a recuperação plena do corpo após os exercícios. As proteínas também ajudam na reposição das reservas de glicogênio nos músculos e no fígado, que são bastante utilizadas durante a atividade física. Esta ingestão deve acontecer junto com alimentos que são fonte de carboidratos. A associação de carboidratos e proteínas é muito importante para a recuperação do treino, para repor as reservas de glicogênio muscular e aminoácidos essenciais. A maior absorção acontece até duas horas após a atividade física.

A proteína também é muito importante como reparadora de tecidos. Para o esportista, ingerir pouca quantidade de proteína impede a boa recuperação dos treinos. Entretanto, o excesso não resulta em melhor performance, aumento de massa muscular ou ganho de força, como muitos pensam.

Quando há depleção (queda) dos níveis de carboidrato e gordura, o corpo do atleta começa a utilizar a proteína muscular como fonte de energia, por isso a importância de seu consumo diário adequado. Juntamente com o treino de pesos (musculação), ela evita a perda da massa muscular.

Concluindo: ingerir pouca proteína faz com que o corpo não se recupere dos treinos, mas o excesso pode levar a problemas renais e doenças cardiovasculares (hipercolesterolemia e ateroesclerose). O importante é a variedade da dieta.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *